Arquidiocese Notícias

Arquidiocese de Salvador celebra Solenidade de Corpus Christi

No Brasil, a festa foi realizada pela primeira vez em Salvador
No Brasil, a festa foi realizada pela primeira vez em Salvador

No dia 4 de junho milhares de fiéis participarão da Solenidade do Santíssimo Corpo e Sangue de Cristo – Corpus Christi. Na Arquidiocese de Salvador, além das programações de cada paróquia, será celebrada uma Missa campal às 8h30, presidida pelo bispo auxiliar Dom Gilson Andrade da Silva, em frente à Igreja São Pedro dos Clérigos (Terreiro de Jesus).

Após a Missa, haverá uma procissão que sairá do Terreiro de Jesus, passará pela Praça Castro Alves, rua Carlos Gomes e chegará ao Campo Grande, onde acontecerá a bênção com o Santíssimo Sacramento. A novidade deste ano é que o ostensório com a Eucaristia será conduzido no meio do povo, diferente dos anos anteriores, quando era levado em um carro ornamentado.

É importante ressaltar que as paróquias, grupos, movimentos, pastorais, irmandades e associações, bem como todos os fiéis, são convocados a participarem e, na medida do possível, levarem faixas e estandartes.

Eucaristia: fonte de vida

A festa de Corpus Christi teve início no século XIII, quando o Papa Urbano IV, por meio da bula Transiturus de hoc mundo, de 11 de agosto de 1264, instituiu a solenidade. Esta iniciativa aconteceu após o Papa receber o segredo das visões da freira agostiniana Juliana de Mont Cornillon, a qual Cristo apareceu pedindo que a Eucaristia fosse celebrada com destaque. No ano de 1269, a solenidade foi decretada oficialmente.

A história dos louvores à Eucaristia, na festa de Corpus Christi, se entrelaça com a história da fundação de Salvador, já que é a mais antiga manifestação pública do Brasil, sendo realizada no país pela primeira vez no ano de 1549. “A Solenidade de Corpus Christi deveria ter uma melhor atenção por se exaltar o Cristo, que é o ápice da nossa fé. A procissão sai pelas ruas da cidade, passa por pessoas pobres, os pedintes. Essa passagem recorda a passagem de Jesus por lugares como esses. É de fundamental importância levar Jesus Eucarístico pelas ruas da nossa cidade porque todo o povo de Deus caminha com Jesus”, afirma o coordenador de eventos da Arquidiocese, padre Valter Ruy.

Segundo o calendário litúrgico, a Solenidade ocorre sempre na quinta-feira seguinte à festa da Santíssima Trindade. Entretanto, é importante lembrar que o dia de comemoração do Sacramento da Eucaristia é a Quinta-feira Santa, dia em que foi instituída, enquanto que a festa de Corpus Christi se constitui como uma reduplicação da mesma.

Adicionar comentário

Clique aqui para postar um comentário