Arquidiocese Notícias

Irmandade de São Benedito festeja padroeiro

São-Benedito-5-225x3001Com o tema “Benedito o que ouve o chamado do Senhor; Vida Religiosa, caminhando na fé e no amor”, a Irmandade de São Benedito, presente no Convento de São Francisco, festeja o padroeiro. O tríduo preparatório acontece até o dia 25 de abril, sempre às 18h, e a cada noite serão homenageados Irmandades, Ordens Terceiras, paróquias, comunidades e veículos de comunicação.

No dia dedicado a São Benedito, 26 de abril, haverá Missa às 8h, em memória dos irmãos falecidos da Irmandade de São Benedito. A Missa Solene será presidida pelo Bispo Auxiliar Dom Estevam dos Santos Silva Filho, às 10h. Após a Celebração Eucarística acontecerá uma procissão que percorrerá as principais ruas do Centro Histórico e será encerrada com a bênção do Santíssimo Sacramento.

A Venerável Ordem Terceira do Rosário de Nossa Senhora às Portas do Carmo – Irmandade dos Homens Pretos – também celebra a festa de São Benedito. Este ano, os devotos refletem sobre o tema “São Benedito em sua vida humilde e repleta de Dons do Espírito, encontramos inspiração para Amar e Servir!”.

O tríduo preparatório acontece até o dia 25 de abril, sempre às 18h, na Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos. No dia festivo (26), haverá a Missa Solene às 10h, seguida da acolhida aos novos membros da Irmandade. A partir das 11h será realizada uma procissão pelas principais ruas do Centro Histórico.

São Benedito

Filho de escravos, São Benedito nasceu na Sicília em 1526. Aos dez anos manifestou forte inclinação para a penitência e a oração, voltando-se, sempre com mais fervor, a Jesus Cristo. Aos 21 anos, após ser insultado publicamente por ser negro, Benedito foi convidado a participar da comunidade dos Eremitas Franciscanos.

Em 1564, o grupo se dispersou e Benedito ingressou como irmão leigo dos Frades Franciscanos de Palermo, onde trabalhou na cozinha até o ano de 1578, quando passou a ser o novo guardião (superior). Confiante na Providência Divina, procurou servir de exemplo para os religiosos e, apesar de não saber ler e escrever, tinha o dom da ciência infusa. São Benedito faleceu em 4 de abril de 1589, após receber o Sacramento da Unção dos Enfermos.

Adicionar comentário

Clique aqui para postar um comentário