Últimas Notícias

Você está aqui: Capa / Brasil

Arquivo da categoria: Brasil

Assinatura dos Feeds

Canonização dos Protomártires Brasileiros será em outubro

protomartiresOs padres André de Soveral e Ambrósio Francisco Ferro, o leigo Mateus Moreira e mais 27 companheiros leigos serão canonizados, em Roma, dia 15 de outubro deste ano. A notícia foi confirmada no início da manhã desta quinta-feira, 20, durante o Consistório Ordinário Público, formado por cardeais, presidido pelo papa Francisco, no Vaticano.

Conhecidos como protomártires do Brasil, eles foram assassinados por ódio à fé. Um grupo no dia 16 de julho de 1645 e Mateus Moreira, em 3 de outubro de 1645, no Rio Grande do Norte. No último dia 23 de março, o papa Francisco já havia aprovado os votos favoráveis da Sessão Ordinária dos Cardeais e Bispos Membros da Congregação para a Causa dos Santos sobre a canonização dos beatos, padroeiros do Rio Grande do Norte.

O nome de protomártires foi dado na ocasião da visita do papa João Paulo II, em 13 de outubro de 1991, na missa de encerramento do XII Congresso Eucarístico, ocorrido em Natal (RN). Os locais de martírio, Cunhaú e Uruaçu, estão na circunscrição eclesiástica da arquidiocese potiguar.

Processo de canonização

Os Mártires de Cunhaú e Uruaçu foram beatificados pelo Papa João Paulo II, em 5 de março de 2000, na Praça de São Pedro, no Vaticano. Na ocasião, cerca de mil brasileiros participaram da celebração. O processo de beatificação durou nove anos; foi instalado pelo então arcebispo de Natal, dom Alair Vilar, e tendo o monsenhor Francisco de Assis Pereira, como postulador, ambos já falecidos. A celebração de beatificação aconteceu durante o governo de dom Heitor Sales.

Desde a beatificação, a arquidiocese de Natal incentivava os fiéis a rezarem e pedirem a graça da canonização dos ‘Protomártires do Brasil’.

O processo de canonização estava na Congregação para a Causa dos Santos, no Vaticano, desde o segundo semestre de 2015, por indicação do papa. No mês de setembro do ano passado, o arcebispo metropolitano de Natal, dom Jaime Vieira Rocha, esteve em Roma, participando de uma audiência com o papa Francisco para tratar sobre a canonização. Na visita ao pontífice, dom Jaime esteve acompanhado do arcebispo emérito de São Paulo (SP) e ex-prefeito da Congregação para o Clero, cardeal Cláudio Hummes, que é um devoto fervoroso dos Mártires potiguares. Na homilia da missa de encerramento do Congresso Eucarístico Nacional, em 16 de maio de 2010, na cidade de Salvador (BA), ele falou sobre a história dos beatos e, no final, destacou: “Esses mártires, caros irmãos e irmãs, são uma das maiores glórias da Igreja no Brasil. O seu martírio, reconhecido pela Igreja, contém grande força de evangelização. Deveríamos torná-los mais conhecidos e venerados, porque nos ajudariam amar e valorizar o domingo e a Missa dominical”.

No mês de outubro, a arquidiocese de Natal recebeu a visita do núncio apostólico no Brasil, dom Giovanni D’Aniello. Na ocasião, o representante do papa no país conheceu os locais dos martírios e pôde presenciar a devoção do povo potiguar aos beatos.

O processo para a canonização teve como notário o arcebispo de Natal, dom Jaime Vieira da Rocha, e como cursor o padre Júlio César Souza Cavacante.

CNBB com informações da Pascom da arquidiocese de Natal (RN)

Nomeados bispos para Imperatriz (MA) e Joinville (SC)

Dom Vilson BassoNa manhã desta quarta-feira, 19, o papa Francisco também realizou outras duas nomeações. Em uma delas, nomeou bispo da vacante diocese de Imperatriz (MA), dom Vilson Basso, transferindo-o da sede episcopal de Caxias, no Maranhão. Na outra, nomeou bispo da vacante diocese de Joinville, no Estado de Santa Catarina, dom Francisco Carlos Bach, transferindo-o da sede episcopal de São José dos Pinhais, no Paraná.

Dom Vilson Basso

Dom Vilson tem 57 anos e nasceu em Tuparendi (RS). Ingressou para o Seminário de Filosofia em 1979, e concluiu a formação em Teologia no ano de 1985, sendo ordenado presbítero, no mesmo ano. Possui especialização em Planejamento Pastoral pela Universidade de Bogotá (Colômbia).

Durante sua trajetória no sacerdócio atuou como vigário paroquial do santuário São Judas Tadeu em São Paulo e como formador em Cagayan de Oro, nas Filipinas. Em março de 2010, foi nomeado bispo de Caxias do Maranhão, pelo papa emérito Bento XVI, recebendo a ordenação episcopal em 30 de maio do mesmo ano. Atualmente é presidente da Comissão para a Juventude da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). Seu lema episcopal é “Ecce venio, Domine” – “Eis-me aqui Senhor”.

Dom Francisco Carlos BachDom Francisco Carlos Bach

Nascido em Ponta Grossa (PR), em 4 de maio de 1954, dom Francisco Carlos Bach, foi ordenado presbítero em 1977 e bispo em 2005. Estudou Filosofia no Seminário Maior Rainha dos Apóstolos, em Curitiba, e Teologia no Studium Theologicum, também na capital paranaense. O bispo tem mestrado em Direito Canônico, pela Universidade de Santo Tomás de Aquino, em Roma, Itália.

Como bispo, dom Francisco foi membro da presidência do regional Sul 2 da CNBB (Paraná) e representante episcopal para a Pastoral da Saúde do regional. Seu lema episcopal é “In manus tuas” – Nas Suas Mãos (LC 24,47).

Fonte: CNBB

Papa Francisco nomeia bispos para Itacoatiara (AM) e Campo Mourão (PR)

Padre José IoniltonA Nunciatura Apostólica no Brasil comunicou na manhã desta quarta-feira, 19 de abril, a decisão do papa Francisco em nomear para a vacante prelazia de Itacoatiara, no Amazonas, o padre José Ionilton Lisboa de Oliveira. O presbítero atualmente exerce o posto de vigário paroquial da Paróquia Nossa Senhora da Conceição, em Riachão do Jacuípe, pertencente à Arquidiocese de Feira de Santana, na Bahia.

Na mesma ocasião, o papa Francisco também acolheu a solicitação de dom Francisco Javier Delvalle Paredes e nomeou o padre Bruno Elizeu Versari, como bispo coadjutor da diocese de Campo Mourão, no Paraná. Atualmente, o presbítero é pároco da Paróquia Santa Maria Goretti, em Maringá (PR).

Padre José Ionilton Lisboa

Natural de Araci (BA), padre José Ionilton Lisboa nasceu em 09 de março de 1962, na Fazenda Chã. Formou-se em Filosofia no Instituto Nossa Senhora das Vitórias e em Teologia na Escola Teológica do Mosteiro São Bento, de 1988 a 1991. Em 2015, fez a convalidação do Curso de Teologia na Universidade Católica de Salvador (UCSAL).

Sua ordenação presbiteral ocorreu em 1992, na paróquia Nossa Senhora da Conceição do Raso, em Araci (BA). Em sua trajetória, atuou, entre outras coisas, como membro do Conselho Presbiteral da arquidiocese de Vitória da Conquista, representando os religiosos em 2005 e membro da Diretoria da Conferência dos Religiosos do Brasil – regional Bahia/Sergipe.

Padre BrunoPadre Bruno Elizeu Versari

Nascido em 30 de maio de 1959, na cidade de Candido Mota, em São Paulo, padre Bruno Elizeu Versari foi ordenado sacerdote em 03 de janeiro de 1988, na Paróquia Nossa Senhora do Rosário, em Floresta (PR). Em sua trajetória atuou como ecônomo da arquidiocese de Maringá; membro do Colégio de Consultores e do Conselho de Presbíteros, de 2000 a 2009, e vigário geral da arquidiocese de Maringá.

Ceris prepara Anuário Católico de 2017

CERISO Centro de Estatísticas Religiosas e Investigações Sociais (CERIS), com o apoio da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e da Conferência dos Religiosos do Brasil (CRB), convidam as arquidioceses e Institutos de Vida Consagrada e Sociedades de Vida Apostólica a participarem do Censo da Igreja Católica de 2017. O objetivo é atualizar os dados de todos os membros da Igreja no Brasil. As informações farão parte do Anuário Católico de 2017.

A partir deste ano, o Ceris realizará a pesquisa, o tratamento dos dados, o arquivamento, a editoração, a publicidade e a comercialização do Anuário Católico Digital, sendo que o exemplar impresso será comercializado pela editora da CNBB, a “Edições CNBB”. Por isso, a participação de toda a Igreja no Censo Anual é fundamental para o sucesso e o alcance de seus objetivos.

O Ceris solicita a indicação da pessoa responsável por responder as perguntas do Censo e, posteriormente, mantê-los atualizados. Os dados da pessoa responsável, tais como nome completo, telefone e e-mail deverão ser enviados diretamente para o e-mail: secretario@ceris.org.br ou ainda, pelo telefone: (11) 5051-4908, até o dia 30 de abril. Após esse período, representantes do Ceris entrarão em contato com a pessoa indicada para o fornecimento do login e senha do programa, uma vez que o preenchimento dos dados será online.

Para outras informações, acesse o site do Ceris.

Confira a carta convite.

Fonte: CNBB

Jovens participarão de evento pelos 300 anos do encontro da imagem de Nossa Senhora Aparecida, em São Paulo

[Clique na imagem para ampliar]

[Clique na imagem para ampliar]

As inscrições para o JUMI, evento que celebra os 300 anos do encontro da imagem de Nossa Senhora Aparecida com a juventude, já estão abertas. A participação nesta grande festa, que acontece de 27 a 30 de julho, é aberta e gratuita.

Para participar do evento não é obrigatória a inscrição. No entanto, você pode se inscrever para receber todas as novidades deste e de outros eventos jovens do Santuário Nacional; pode se inscrever para adquirir o KIT exclusivo do JUMI e também para acampar no Santuário.

Você pode se organizar para participar de quais dias for possível. Mas fica a dica de que a programação é top e vale a pena participar todos os dias! Além das atividades específicas do JUMI, acontecerá também o Hallel Aparecida e o encerramento do projeto Rota 300, organizado pela CNBB.

KIT exclusivo JUMI

O KIT exclusivo do JUMI é composto por mochila, boné, squeeze e um terço especial do Juventude em Missão e tem o valor de R$10,00. Para adquirir, basta clicar aqui. Preencha seus dados e selecione a opção do KIT. O pagamento da taxa é feito online, via PagSeguro.

A retirada do KIT poderá ser feita na secretaria do evento, localizada ao lado do palco central, já no dia 27/07, a partir das 8h. É indispensável a apresentação do comprovante de pagamento e documento pessoal.

Camping

O Camping é localizado dentro das dependências do Santuário Nacional, conta com segurança 24h e banho quente. A inscrição vale para os quatro dias do evento e tem o valor de R$25,00 por pessoa.

Neste ano, há três áreas de camping: masculina, feminina e familiar. Você pode inscrever, no máximo, seis pessoas por barraca. No camping familiar, será necessário apresentar um documento que prove a união do casal e parentesco (filhos).

No momento da inscrição, também é possível solicitar individualmente o KIT exclusivo do JUMI para quem se interessar, sendo cobrada a taxa a mais de R$10,00. Também é possível inscrever menores de idade para ficar no camping, no entanto é necessário seguir as orientações apresentadas no formulário de inscrição.

Para se inscrever no camping, acesse aqui. No momento da entrada no Camping, será necessário apresentar comprovante de pagamento e documento pessoal.

Fonte: a12.com

Cardeal Sergio da Rocha tomará posse de título cardinalício

Dom Sergio da RochaNo próximo dia 23, o arcebispo de Brasília e presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), Cardeal Sergio da Rocha tomará posse do título cardinalício na Basílica de Santa Cruz, em Roma. A cerimônia está marcada para às 11h locais.

Dom Sérgio da Rocha foi criado cardeal pelo Papa Francisco, em 19 de novembro de 2016, na Basílica de São Pedro, no Consistório Ordinário Público para a criação de 17 novos purpurados.

O cardeal foi nomeado arcebispo de Brasília em 15 de junho de 2011 pelo Papa Bento XVI e desde abril de 2015 preside a CNBB.

Com informações da Rádio Vaticano e fotos AP

Pastoral Afro-americana e Caribenha prepara XIV Encontro de Pastoral

Pastoral Afro2Membros da Secretaria de Pastoral Afro-americana e Caribenha (SEPAC) estiveram reunidos, entre 3 e 7 de abril, na sede do Conselho Episcopal Latino-Americano (CELAM) em Bogotá, capital da Colômbia, para revisar o documento de trabalho do XIV Encontro de Pastoral Afro-americana e Caribenha. Na reunião, foram avaliados a revisão da programação 2015-2018, a Vida Religiosa e a Pastoral Afro-americana, entre outros assuntos relacionados aos trabalhos no Continente.

O coordenador Nacional da Pastoral Afro-brasileira na Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), padre Jurandyr Azevedo, destaca a importância da presença do secretário Geral do CELAM, dom Juan Espinoza Jiménez, bispo de Murelia no México. “Ele nos acolheu nesta casa que é o coração afetivo da Igreja Latino-americana, pois daqui nasce a animação e comunhão para todo o Continente. Uma Igreja pobre para os pobres, em saída de onde brota a Pastoral Afro-americana e Caribenha com seu protagonismo. Temos muito que aprender deles pelas suas riquezas culturais”.

Pastoral-Afro-1Segundo padre Jurandyr, os trabalhos foram desenvolvidos num ambiente fraterno e alegre com momentos de vivência litúrgica, conforme programação acordada no encontro do Panamá, em outubro de 2016. A programação contemplou um momento de partilha onde os participantes apresentaram a situação dessa Pastoral em seus países: formação, teologia, imigração, diálogo inter-religioso, racismo, questões sóciopoliticas e religiosas, e a importância da conscientização.

Boa parte da reunião foi dedicada à revisão do Texto-base para o XIV Encontro de Pastoral Afro-americana e Caribenha (EPA) que tem como título “A espiritualidade cristã Afro-americana e os desafios do século XXI”. Este documento foi produzido pelo padre Jurandyr, da Pastoral Afro-brasileira. No encontro do Panamá em 2016 e neste de Bogotá foram acrescentadas sugestões da equipe da Pastoral de Cali na Colômbia.

O XIV Encontro de Pastoral Afro-americana e Caribenha será realizado nos dias 14 a 20 de julho de 2018, na cidade colombiana de Cali. Já foram aprovados o hino e feito encaminhamentos na organização do Encontro.

Participam do encontro os padres Efrain de Léon (Panamá), Jurandyr Azevedo Araujo(Brasil), Oscar Lozano(Coordenador do Setor de Educação e Culturas) e Venanzio Mwangi (Colômbia), e a leiga Nieves Méndez (Equador).

Com informações da ascom da Pastoral Afro-Brasileira

Congresso Católico de Educação discute a missão dos educadores e instituições católicas no ensino

Escolas católicasComeçaram as inscrições para o Congresso Católico de Educação, que acontece no dia 6 de maio no Centro Universitário Ítalo Brasileiro, em São Paulo. Realizado pela Arquidiocese de São Paulo com coorganização da Edições SM, o objetivo do evento é discutir sobre a identidade e a missão dos educadores e instituições católicas de ensino. O congresso ainda contará com a presença do Cardeal Dom Odilo Scherer e do professor e escritor Gabriel Perissé.

Com o tema “Qual é a identidade e a missão dos educadores e instituições católicas de ensino?”, o evento traz palestras e workshops desenvolvidos por especialistas nacionais e internacionais abordando os mais diversos temas ligados ao mundo educativo.

Dentre os assuntos que serão discutidos, estão o ensino religioso na escola católica, a missão do educador católico, a mediação de conflitos para construir uma cultura de paz, entre outros.

O evento conta com o apoio do Centro Universitário Ítalo Brasileiro, das Edições Loyola, do Coral e Orquestra Del Chiaro e do Instituto Vertus.

O Congresso Católico de Educação será realizado no sábado, dia 6 de maio, das 9 às 17 horas, no Centro Universitário Ítalo Brasileiro. As vagas são limitadas. Para conferir a programação e fazer a inscrição, é preciso acessar o site: www.congressocatolicoedu.com.br. Serão emitidos certificados de participação aos que tiverem interesse.

Cristo Redentor recebeu iluminação azul para conscientizar sobre autismo

cristo_redentor_azul_01042014182506_11112016110319_03042017120327A estátua do Cristo Redentor ganhou iluminação diferente na noite da última segunda-feira, 03 de abril. Em parceria com a Fundação Mundo Azul – Movimento de Pais e Familiares com Autismo, o monumento foi iluminado de azul em atenção ao Dia Mundial do Autismo, celebrado, tradicionalmente, em 2 de abril.

Na data associações do mundo inteiro se unem e monumentos e espaços públicos de vários países são iluminados de azul (Movimento “Acenda uma luz azul”, em inglês “Light It Up Blue”), para a conscientização social sobre a deficiência.

No alto do Corcovado, a cerimônia chamou a atenção sobre a importância de conhecer os sintomas para diagnosticá-la e tratá-la adequadamente e também dar graças a Deus pela conscientização social já conseguida, assim como pela vida de tantas pessoas portadoras dessa deficiência.

“Divulgar os sintomas, para que mais pessoas conheçam, saibam como tratar e acolham aos irmãos que são portadores de autismo é, antes de tudo, um ato de amor testemunhado. É uma forma de nos colocarmos de braços abertos, como o Redentor, em prol dessa causa social”, lembrou o reitor do Santuário Cristo Redentor, Padre Omar Raposo.

Sobre o autismo

Há mais de 15 anos, o autismo deixou de ser classificado como doença e passou a ser uma deficiência, segundo a Classificação Internacional de Doenças, da Organização Mundial de Saúde (OMS). Segundo a OMS, o transtorno se manifesta antes dos três anos de idade do indivíduo, por meio de um tipo característico de comprometimento do funcionamento normal nas principais áreas de interação: a sociabilidade, a linguagem, a capacidade lúdica e a comunicação.

 Fonte: Arquidiocese do Rio de Janeiro

CNBB abre credenciamento para a 55ª Assembleia Geral dos Bispos

AGEstá aberto o credenciamento para a 55ª Assembleia Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), que será realizada entre os dias 26 de abril e 5 de maio, no Santuário Nacional de Nossa Senhora Aparecida, em Aparecida (SP).

A Assembleia, que reunirá cerca de 370 bispos dos dezoito regionais da CNBB e, como de costume, serão tratados temas relacionados à realidade socioeconômica e política do Brasil e o debate central se realizará em torno da questão da “Iniciação à vida cristã”. Outros temas prioritários também serão abordados: reflexão sobre a exortação apostólica do papa Francisco “Amoris Laetitia – sobre o amor na família”, o caminho ecumênico, as Novas Formas de consagração e Novas Comunidades, os 10 anos da Conferência de Aparecida e a XV Assembleia do Sínodo dos Bispos, que acontecerá em 2018 com o tema “Os jovens, a fé e o discernimento vocacional”.

O credenciamento deverá ser feito até o dia 18 de abril, por meio de preenchimento do formulário disponível aqui.

As credenciais serão entregues no local, mediante apresentação da carteira de identidade. Haverá para as equipes de imprensa um ambiente de trabalho disponível com acesso à internet (via cabo).

Programação

A 55ª Assembleia Geral da CNBB iniciará no dia 26, às 7h30, com uma missa no Santuário Nacional de Aparecida. A cerimônia de instalação da AG acontecerá no mesmo dia, às 9h15, no auditório do Centro de Eventos Padre Vítor Coelho e será aberta à imprensa.

Todos os dias, exceto no domingo, dia 30, serão celebradas missas com laudes, das 7h30 às 8h45, no Santuário Nacional de Aparecida. Haverá transmissão ao vivo pelas emissoras católicas de rádio e televisão.

Os trabalhos da Assembleia serão desenvolvidos em quatro sessões, sendo duas pela manhã (9h15 às 12h45) e duas à tarde (15h40 às 19h30).

As entrevistas coletivas acontecerão sempre às 15h, na Sala de Imprensa do Centro de Eventos, com a presença de três bispos designados pela Presidência da Assembleia. O porta-voz será o presidente da Comissão Episcopal Pastoral para a Comunicação, dom Darci Nicioli.

Haverá uma celebração Ecumênica no dia 2 de maio, recordando os 500 anos da Reforma Protestante.

Na quinta-feira, dia 4 de maio, será realizada uma Sessão Mariana, em comemoração pelos 300 anos do Encontro da Imagem de Nossa Senhora Aparecida e 100 anos das Aparições de Fátima.

A cerimônia de encerramento da Assembleia será realizada no Centro de Eventos, no dia 5 de maio, às 10h30.

Fonte: CNBB


Cúria Metropolitana Bom Pastor - Av. Leovigildo Filgueiras, 270 - Garcia, CEP: 40.100-000 - Salvador -Ba. Tel.: (71) 4009-6666 | contato@arquidiocesesalvador.org.br
Scroll To Top