Devotos iniciam homenagens a São José Operário, padroeiro dos trabalhadores

São José Operário – Foto: Karine Nascimento

“A vocação de São José Operário é amar e servir”. Este é o tema central dos festejos em honra ao protetor dos trabalhadores na paróquia a ele dedicada, localizada no bairro Pernambués, em Salvador. De 22 a 30 de abril, os devotos participam do novenário, às 19h, na Matriz (Rua Thomaz Gonzaga, nº 398E). O ponto alto dos festejos acontecerá em 1º de maio – Dia do Trabalhador.

A cada noite será abordado um subtema: “Chamados a ser povo de Deus: um olhar vocacional no Concílio Vaticano II” (22 de abril), “Discípulos missionários: a vocação em Aparecida” (23 de abril), “Servir com alegria: a vocação em Francisco” (dia 24), “O discipulado missionário” (dia 25), “Jesus ‘chamou os que Ele mesmo quis’” (dia 26), “Jesus chama para permanecer com Ele” (dia 27), “Homens e mulheres enviados para a missão” (dia 28), “Caminhar juntos para fortalecer a esperança” (dia 29) e “Por uma Igreja Sinodal” (dia 30).

No dia festivo, 1º de maio, os fiéis participarão de uma procissão, que terá início às 6h, saindo e retornando para a Matriz. A primeira Santa Missa deste dia será presidida pelo padre Áureo José, às 9h. Já a Celebração Eucarística festiva acontecerá às 17h, sob a presidência do bispo auxiliar da Arquidiocese de Salvador, Dom Valter Magno de Carvalho.