Destaque Notícias

Fé e oração marcaram procissão do Domingo de Ramos em Salvador

Crianças, jovens, adultos e idosos recordaram, na manhã deste domingo (13), a entrada triunfal de Jesus em Jerusalém. Ao lado do Arcebispo de Salvador e Primaz do Brasil, Dom Murilo Krieger, dos Bispos Auxiliares Dom Gilson Andrade da Silva e Dom Marco Eugênio Galrão, os fiéis formaram um verdadeiro tapete verde entre a Praça do Campo Grande e a Praça Municipal. “É uma emoção muito grande poder participar deste momento, afinal hoje inicia a Semana Santa”, disse Maria José da Silva, de 57 anos, que saiu de São Cristóvão às 5h30 para participar da procissão do Domingo de Ramos.

domingo-de-ramos-campo-grande-salvador-bahia-arquidiocese-de-sao-salvador-da-bahia

Antes de abençoar as palmeiras, Dom Murilo falou sobre os sentimentos que envolvem a celebração. “O primeiro sentimento é a gratidão. Jesus morreu por amor e nos ensina que amar é dar a vida pelo outro. O segundo é, na verdade, um pedido. Jesus vai passar em algumas ruas dessa cidade. Queremos que Ele passe em cada rua, em cada casa. Peça a Jesus que Ele visite a casa das pessoas que não estão aqui. Eu tenho certeza que, por causa do seu pedido, as pessoas serão abençoadas. O terceiro é o acolhimento. O povo de Jerusalém acolheu Jesus com alegria. Hoje nós queremos dizer que nós nos alegramos com a presença de Jesus em nossa vida”, afirmou.

Com ramos nas mãos, os fiéis tomaram conta das ruas do centro d cidade / Além da celebração que recorda a entrada de Jesus em Jerusalém, a Igreja vivencia o Dia Mundial da Juventude. Na ocasião, o Papa Francisco enviou uma mensagem, que foi lida por duas jovens. “Queridos jovens, Jesus interpela-nos para que respondamos à sua proposta de vida, para que decidamos qual estrada queremos seguir a fim de chegar à verdadeira alegria. Trata-se dum grande desafio de fé. Jesus não teve medo de perguntar aos seus discípulos se verdadeiramente queriam segui-Lo ou preferiam ir por outros caminhos (cf.Jo 6, 67). E Simão, denominado Pedro, teve a coragem de responder: ‘A quem iremos nós, Senhor? Tu tens palavras de vida eterna’ (Jo 6, 68). Se souberdes, vós também, dizer ‘sim’ a Jesus, a vossa vida jovem encher-se-á de significado, e assim será fecunda”, escreveu o Pontífice.

domingo-de-ramos-campo-grande-salvador-bahia-arquidiocese-de-sao-salvador-da-bahia-jovens-na-praca

Ao chegarem à Praça Municipal, os fiéis participaram da Missa celebrada por Dom Murilo. Antes da bênção final, Dom Gilson falou à juventude que, alegre, acompanhava a celebração. “O Domingo de Ramos marca o início da semana em que Jesus vai sofrer, morrer e ressuscitar. É o momento maior da nossa Igreja. É uma alegria poder estar reunido com outros jovens”, disse Elissandro Trindade de Santana, de 27 anos, da Paróquia Conversão de São Paulo (Fazenda Grande do Retiro).

Fotos: Sara Gomes

Adicionar comentário

Clique aqui para postar um comentário